Share this post

Escolher um videografo para o casamento

Videografo de casamento


Escolher um
videógrafo de casamento não é uma tarefa simples. Existem muitas coisas envolvidas e é necessário tomar um cuidado especial para escolher quem vai deixar registado um dos dias mais importantes da vossa vida.

A emoção de um pai que vê, pela primeira vez, a filha vestida de noiva. A entrada da noiva sob o ponto de vista do noivo. O momento do beijo. São imagens do dia do casamento que, sem dúvida, queremos guardar na memória. O vídeo tem esse papel de captar momentos em movimento, o som da nossa voz, espaços,  e de ser para sempre um recurso que ajuda a transportar-nos de volta para determinado instante no tempo.

Por essa razão, a escolha do profissional que irá registar o grande dia é uma das decisões mais importantes de todas as que envolvem o processo de organizar um casamento. Podem até dizer que eu, como videografo de casamento, sou suspeito para falar sobre isso. É verdade.  

Porém, têm de concordar que essa definição requer que seja estabelecida uma relação de total confiança entre os noivos e o profissional que será responsável por registar as lembranças de um dos dias mais emocionantes da vida. Portanto, essa escolha não é mesmo uma tarefa fácil.

Por isso, como profissional da área, quero ajudar-vos a estabelecer os critérios que precisam avaliar na contratação do responsável pelo vídeo.

 

Procurem o estilo com que se identificam

Esse é o primeiro passo. Pode ser que já tenham  na cabeça alguns profissionais que admiram, acompanham e gostam do trabalho. Ou tenham tido recomendações de amigos, familiares e assessora(e)s.

Mas sabem exatamente com que estilo de vídeo de casamento se identificam mais?

Pode ser algo que não sabiam, não tenham notado ou parado para pensar: existem muitos estilos de vídeo de casamento. Vou explicar um pouco os três principais:

Video Documental 

Neste estilo, o videografo procura contar uma história através do vídeo, como acontece numa reportagem. Assim, momentos, emoções e reações espontâneas são capturados. Não vídeo de poses. Se não gostam e não têm paciência para o protocolo de vídeos tradicionais, este estilo pode ser uma boa opção.

Tradicional/Clássico

No passado, este era o estilo padrão de vídeo de casamento. É só pensar no vídeo dos vossos pais ou avós. São vídeos super longos e com pouca edição, em que há todo um direcionamento por parte do videografo e da sua equipa. Mas não pensem que este é um estilo ultrapassado, ainda hoje é requisitado. É clássico e atemporal.

Contemporâneo

É um estilo de vídeo em que predominam vídeos mais artísticos, com um tom de editorial de revista, e geralmente é um registo misturado com vídeo documental. É bom para casais que preferem uma abordagem mais artística, conceitos criativos desenvolvidos especialmente para a ocasião e a singularidade de imagens únicas e diferentes. 

Tenham em mente que muitos videografos não trabalham com apenas um estilo. Geralmente incorporam todos nos seus trabalhos, conforme as suas referências e experiência. Mas é importante entender qual o estilo e tipo de registo que mais vos agrada. 

Qual o estilo de vídeo de casamento que devemos escolher?

Eu acredito que um bom videógrafo de casamento tem que saber dosar todos os estilos. Esse para mim seria o videografo ideal, o videografo completo.

Um casamento é tão rico de momentos, detalhes e histórias que diria que é impossível alguém ser 100% do tempo classificado como um videógrafo tradicional, documental ou contemporâneo.

Eu diria que se algum videografo é dedicado 100% a um estilo, ele já está ultrapassado. O vídeo evoluiu muito nos últimos anos e os casamentos também, a maneira de as pessoas consumirem o vídeo também mudou.

Obviamente muitos videógrafos de casamento terão uma tendência maior para cada estilo, mas repito o que disse alguns parágrafos acima, procurem pelo videógrafo completo, afinal de contas num casamento existe o momento de ter vídeos documentais, existe o momento de ter videos tradicionais e existe também o momento para o videografo explorar a sua criatividade.

Sem dúvida que notaram uma tendência maior para cada estilo de vídeo no trabalho de cada videografo, aí cabe-vos escolher com o qual se identificam mais ou consideram mais importante.

 

Defina o orçamento destinado ao vídeo

Para estipular o valor que será investido no videografo,o meu conselho é que os casais conversem e discutam a importância do vídeo do casamento para eles. Para muitas pessoas é primordial e de extrema relevância entre todos os aspectos que envolvem o casamento. Tem um valor imensurável. Afinal, serão as lembranças de um dia muito importante. 

Saibam que há diversos valores no mercado, vários tipos de profissionais, com pouca e muita experiência. Entendam que vários fatores influenciam no resultado final do trabalho, como estudo, profissionalismo, sensibilidade, experiência e o uso de equipamentos de qualidade. E isso não é barato

O valor é diferente do preço, por isso, se procuram qualidade, desconfie de ofertas muito discrepantes do que é geralmente cobrado no mercado. Lembrem-se de que “o barato sai caro” e que o tempo não volta, portanto, é fundamental escolher bem o videografo do casamento.  

Pesquise os videógrafos de casamento do mercado 

Definido o orçamento, a próxima etapa é pesquisar. Visitem os sites, que geralmente têm muita informação e fotos de trabalhos anteriores. Assim, poderão ter uma amostra rápida do portfólio do videografo. Aliás, um bom profissional terá um website atualizado e bem cuidado. É uma dica para evitar amadores. 

Vejam a reputação, procurem recomendações com assessorias, pesquisem referências, tenham o feedback de outros noivos. Analisem os comentários nas redes sociais e vejam como o profissional (e a sua equipa) respondem aos clientes para avaliar o atendimento prestado. 

É importante também entender, através do trabalho apresentado, se o videografo faz o vosso estilo e está em sintonia com o que vocês pretendem. Identificação é fundamental. Bons profissionais são versáteis e flexíveis, mas é interessante ter em mente que cada um tem o seu estilo de trabalho e que nem sempre corresponde ao que vocês procuram.  

Dica importante ao pesquisarem: cuidado com o Instagram

Pode soar estranho o que vou dizer, mas ter um feed bonito no Instagram é muito fácil, todos os videografos têm a obrigação de, no mínimo, ter um feed bonito. Só que o vídeo de casamento não pode ser resumido apenas a esse fator.

Por isso, é extremamente importante que vejam as histórias de casamentos mais completas, para ver todos os detalhes de um casamento e ter uma noção melhor do estilo daquele videografo. Podem conferir isso através de um vídeo completo

Querem uma dica útil? Ao ver um pequeno vídeo que gostaram, peçam ao videografo para ver o filme de casamento completo.

Não se deixem enganar por um perfil de Instagram bonito.

Videografo de casamento ou empresa de foto e vídeo?

Aqui surge uma dúvida muito comum entre alguns casais, então vamos falar um pouco sobre esta questão.

Antigamente era muito comum empresas de foto e vídeo que ofereciam os dois serviços e os noivos não tinham de se preocupar mais com isso.

Hoje em dia, o estilo dos profissionais da área de fotografia e vídeo para casamentos mudou muito. Nos últimos anos tanto a fotografia como o vídeo evoluíram muito, e durante esse tempo começaram a aparecer especialistas em cada área.

A principal vantagem das empresas de foto e vídeo é a comodidade de contratar dois serviços num só local e, principalmente, os preços. Afinal de contas, são empresas que vão gerenciar e contratar fotógrafos e videografos freelancers para fazer a cobertura do vosso casamento. 

São pessoas que recebem um cachê para fazerem a cobertura do vosso casamento sem ter nenhum contato prévio convosco. Na maioria das vezes, as fotos que vocês viram na reunião ou no portfólio da empresa não são do fotógrafo que estará no vosso casamento.

São pessoas capacitadas mas que muitas vezes não chegam a criar nenhum vínculo com o casal. Só irão conhecer e ter contato com esses profissionais no dia do casamento.

“As empresas de foto e vídeo são a indústria, nós somos artesãos”

Os artesãos são mais caros? 

Sim, precisamente por serem especialistas no que fazem e principalmente por se envolverem em todas as partes do processo. Irão conhecer o vosso videografo na reunião e ele vai estar convosco antes, durante e depois do casamento, a cuidar de cada detalhe pessoalmente.

O resultado final justifica o valor extra, até porque não estamos a falar apenas de um serviço técnico, mas de um filme com valor histórico, emocional e artístico que vocês vão guardar para a vida toda. E tudo isso, vocês só terão com alguém que se envolve com todas as partes do processo, que vos chama pelo nome, e às vezes até pelo vosso apelido.

Os artesãos são artistas. 

E agora, quem é que vão escolher: um fotógrafo e um videografo para o vosso casamento ou uma empresa de foto e vídeo?

Uma última observação para não parecer que estou a generalizar. Existem fotógrafos e videografos que criam empresas em conjunto para oferecer os dois serviços agregados aos clientes. No caso em que os próprios profissionais participam em todos os processos e estão presentes nos casamentos, eles não são considerados uma produtora. São dois artesãos que se uniram para oferecer um trabalho diferenciado.

Marquem reuniões e tirem todas as dúvidas

Depois de muita pesquisa e após pré-selecionarem dois ou três favoritos, é hora de marcar uma reunião presencial com cada um deles. 

A entrevista pessoal, além de outros fatores, ajuda a perceber se há conexão entre o videografo e os noivos e assim estabelecer uma relação de confiança. Sentem-se confortáveis? Há uma identificação? Ele está em sintonia com o que vocês querem para o registo do casamento?

Outro intuito da reunião é que todas as dúvidas sejam sanadas e esclarecidas. Preparem uma lista de perguntas. Não tenham medo de questionar. Nós, videografos, temos noção que essa é uma decisão extremamente importante e estamos habituados a lidar com muitas perguntas. O importante é não ficar nenhuma dúvida.  

Se não sabem o que perguntar, deixo uma lista com algumas perguntas que poderão colocar para avaliarem e compreenderem se um determinado profissional será mesmo a melhor escolha:

  • Como é a dinâmica de trabalho? Como costuma atuar?
  • Trabalha sozinho ou com assistente?
  • Há um “back-up plan” ou plano B para o caso de algum imprevisto? Como funciona?
  • O que está incluído no preço?
  • Como é a pós-produção? E prazos e formas de entrega?
  • Quantas horas de trabalho estão incluídas? Quanto tempo dura o serviço?
  • Tem equipamento de backup caso ocorra algum imprevisto no dia?

Além das perguntas, sugiro também compartilhar no encontro referências de imagens que você gosta para ele ter uma ideia da vossa visão e assim alinhar as expectativas. Peçam também para ver filmes de casamento finalizados para conferirem a qualidade do filme e avaliar a consistência do trabalho. Isso é muito importante. 

 

Dicas finais de como escolher o videógrafo de casamento

Outra dica que ajuda a constatar se haverá ou não afinidade entre o videógrafo e o casal no dia do casamento é o agendamento/contratação de uma vídeo antes do casamento, ou vídeo de solteiros como alguns dizem. Assim, além de se conhecerem melhor, cria-se intimidade e tudo tende a fluir com mais naturalidade. Vocês passarão um dia juntos antes do casamento, o que é interessante para uma boa conexão.   

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.